Nº de visitantes por País

free counters

01 outubro 2009

As flores, ou cores, de um imaginado olhar


As flores, ou cores, do meu imaginado olhar

Corri mundos buscando loucuras de encantar
Coisas singelas, tímidas, espalhadas por aí,
Que podem dar vida e sonho, alegria, eu vi,
As flores, ou cores, de um imaginado olhar

O mundo é tudo isso, aqui e além, à nossa volta,
Quantas que não vislumbramos, mas estão ali,
Coisas alegres, intensas, suaves, que eu senti
Longe de tudo, e mesmo tão perto, à nossa porta

As flores, ou cores, de um imaginado olhar
Longe de tudo, e mesmo tão perto, estão bem ali,
Juntos dos passos que encetei, o que já vivi,
Embelezando os dias que sucedem sem parar

As flores, ou cores, do meu imaginado olhar
São ventos beijando cheios de cores, o meu andar





Sem comentários: