Nº de visitantes por País

free counters

06 maio 2009

Sigo contigo…

Parece que me fui
Parece, admito, que te abandonei
Falo contigo, sopro na brisa
Palavras de consolo porque te sinto triste

Parece, tudo parece
Um estar só, longe de mim,
Quando olhaste em redor de ti
E não encontraste a minha sombra
E não sentiste o calor do beijo
E não pudeste tocar na minha mão

Parece, tudo leva a crer
Que me fui assim, sem mais,
Abandonando-te a uma solidão
Cheia de um vazio
Triste e imenso


Tudo parece, …parece
Mas não foi nem poderia ser assim
Não poderia nunca deixar-te só
Nem poderia, nem quereria abandonar-te
Deixando-te num infortúnio
De uma quietude cheia de saudade
De um silencio incompreensivelmente
Escuro

Parece, mas não pude deixar-te
Parti, mas sigo ao teu lado
Não te toco, mas sinto o bater
Desse coração lindo que harmoniosamente
Bate e teimosamente
Continuará a coordenar
Essa força viva que tu és
Essa beleza intensa que tu tens
Esse pulsar p` rá vida e para o mundo

Parece, … mas continuo ao teu lado
Ouvindo e partilhando os teus sonhos
Sentindo os teus desejos
Aplaudindo esses êxitos que tranquila
Continuas a coleccionar


Sigo contigo, sentindo o calor
Das aspirações mais lindas
Que continuas a perseguir
Correndo ao teu lado junto ao mar
Olhando as ondas balanceando
E inebriado com a beleza sem fim
De um pôr-do-sol abrasador

Parece que me fui
Mas vivo em cada dia quando te levantas
Em cada acordar para a vida
Sonho em cada instante com o teu olhar
E no brilho dos teus olhos sinto alegria
Toco as tuas mãos quando caminhas
E sinto o teu abraço


Nunca poderia sair do teu, do nosso mundo,
Não sendo possível esquecer de todo
O que tanto amei
Fui… só num curto momento
Vogar planando por cima das nuvens
E perscrutar um mundo novo
Que parece longínquo, mas que está
Aí, bem pertinho de ti
Ao teu lado,
Permitindo, das alturas, dos céus
Olhar-te, vendo luminoso o teu sorriso
Que sempre recordarei com ternura
E não desejo ver triste

Fui só num momento,
O outro tempo, todo ele,
Que nunca acaba, nem pode ter fim,
Estou ao teu lado
Sentindo viva a alegria de ser teu
E de saber que continuas minha
Caminhando, de mãos dadas
Felizes, sem limites de qualquer
Tempo ou qualquer espaço



Ali, na praia,
Junto ao mar
Ouvindo as ondas beijando as areias
Seguimos juntos, olhando, olhos nos olhos,
Admiro, sempre admirei, esse teu sorriso, lindo,
(Que quero continuar a sentir nos teus lábios)
Sentindo a energia de uma alma
Que é explosão de bem e de magia
E a força quente do teu corpo

Ali, juntos, como dantes
Seguimos, os dois, lado a lado,
Eu, não poderia deixar-te nunca,
Mesmo parecendo que me fui,
Tudo parece, tudo leva a crer
Mas na realidade, ouve o teu coração,
Ouve o vento, escuta o mar,
E sentirás, sem temores nem dúvidas,
Dentro de ti, no teu coração,
Que sigo ao teu lado,
Que caminhamos juntos,
Que nos olhamos como dantes.


Ali, sentindo a frescura do mar
E as carícias do vento, ouves
As minhas palavras junto ao ouvido
Dizendo baixinho o quanto te quero
E que mesmo que não pareça
Sigo contigo








9 comentários:

Celia disse...

Es bueno que sigas a su lado. Tus poemas y fotografías son muy hermosos.
Un abrazo.

✈ĘɭĭZ∂™ τσdσs lσs Dεяεcнσs яεsεяvαdσs cσρчяιgнτ disse...

Que bellas imagenes, que bella forma de mostrar que esa persona debe de sentirte cerca, lo entendi poco, pero lo entendi, me gusta hacer el esfuerzo de entenderlo, porque para mi es vital ver como el apoyo es vital cuando una persona necesita sentirse mejor... eres una persona linda... te mando un abrazo!

mariam disse...

Pedro,

fantástico! imagens muito bonitas! como sempre... e o poema não menos!

desculpa as ausências, voltarei no fim-de-semana, p'ra com mais tempo ver o que ainda não vi ... :)

um abraço amigo e um sorriso :)
mariam

Fernanda disse...

Oi Pedro,
Obrigada pela visita ao meu blog!
Fiquei encantada com esas imagens... É engraçado como as coisas mais simples do mundo, como um por-do-sol ou nascer do sol, pode ser algo tão fascinante, né?
Adorei! Um abraço!
Fernanda

Maria disse...

"/alguém que nos transe um beijo/
/Que a química alucina/
/ põe direção/
/// vence/
/// molha a boca.../
"/Acende as artérias num tráfego intenso/""
Obrigada pela visita
Abraços

Maria disse...

"/alguém que nos transe um beijo/
/Que a química alucina/
/ põe direção/
/// vence/
/// molha a boca.../
"/Acende as artérias num tráfego intenso/""
Obrigada pela visita
Abraços

Maria disse...

"/alguém que nos transe um beijo/
/Que a química alucina/
/ põe direção/
/// vence/
/// molha a boca.../
"/Acende as artérias num tráfego intenso/""
Obrigada pela visita
Abraços

Liliana G. disse...

Hermosas palabras de amor, grito que brota del alma para explicar lo inexplicable. ¡Siempre debés estar, parezca lo que parezca!
Celebro que sigas al lado de la persona amada...
Un gran cariño, Pedro.

Anónimo disse...

¡¡Que bellas imagenes que inspiraron semejantes poemas tan hermosos!!!!! eres especial porque ves en las cosas pequeñas,cosas grandes y maravillosas y el poder estar con esa persona amada algùn dìa compartiendo todo lo maravilloso que nos da la vida!! Asi la distancia nos separe siempre el amor verdadero perdurara por siempre !!!!!
Besos con amor
SANDRA R...